03/06/2021 às 18h20min - Atualizada em 04/06/2021 às 00h00min

Fundação Energia e Saneamento terá programação especial na Semana Nacional de Arquivos

Especialistas participarão de lives para debater Inteligência Competitiva Organizacional (ICO) e preservação digital de acervos fotográficos; atividades ocorrerão durante cinco dias e serão transmitidas pelo YouTube,Facabook e Instagram

SALA DA NOTÍCIA Fundação Energia e Saneamento
http://www.museudaenergia.org.br/
divulgação
A Fundação Energia e Saneamento, gestora das unidades do Museu da Energia, vai integrar a programação da 5ª Semana Nacional de Arquivos, que ocorrerá entre os dias 7 e 11 de junho. Um calendário especial de atividades, que inclui bate-papos ao vivo, vídeos e a publicação de um artigo inédito, será promovido ao longo do período. A cada dia, haverá uma atração exibida pelos canais de comunicação do Museu de Energia, no Youtube,Facebook e Instagram (detalhes abaixo). O objetivo é promover uma ampla discussão acerca da importância dos arquivos como instrumento de preservação da memória cultural e de acesso à informação.  

Destaques
Entre os destaques da programação, consta a live: 'A Inteligência Competitiva e os Arquivos', que será exibida segunda-feira (7) e reunirá a professora doutora do curso de Arquivologia na UNESP de Marília, Marcia Pazin; a arquivista com especialização em Inteligência de Mercado pelo SENAC, Maria Fernanda Mendes e Freitas; além da coordenadora do acervo da Fundação Energia e Saneamento, Andressa Romualdo. Elas discutirão um assunto que hoje em dia é de extrema relevância para os museus, que é a Inteligência Competitiva Organizacional (ICO) - um processo estratégico que permite converter dados, informações e conhecimentos em vantagem competitiva a organizações. “A conversa abordará as relações com a gestão da informação, a gestão do conhecimento e o uso de tecnologias de informação e comunicação como alicerces fundamentais para a geração de inteligência organizacional”, explica Andressa.

Conservação de fotos
A Fundação também vai promover a live: 'Conservação e Preservação de Fotografias na Era Digital', que será exibida na sexta-feira (11) e reunirá a professora Mestre do SENAC diretora da Imagem & Informação, Luciana Amaral, e a professora Doutora do curso de Arquivologia da UNESP de Marília, Telma Madio. O bate-papo abordará temas como: organização e identificação arquivística, fotografia, acervos audiovisuais, conservação preventiva e preservação digital. Abaixo segue a programação completa.

Confira o calendário completo:

Segunda-feira (07/06), às 16h30: Live 'Inteligência Competitiva e os Arquivos'
Bate-papo ao vivo sobre Inteligência Competitiva Organizacional (ICO), com a professora doutora do curso de Arquivologia na UNESP de Marília, Marcia Pazin, e a arquivista com especialização em Inteligência de Mercado pelo SENAC, Maria Fernanda Mendes e Freitas. Mediadora: Andressa Romualdo, coordenadora do acervo da Fundação Energia e Saneamento. Transmissão simultânea pelo YouTube e Facebook.

Terça-feira (08/06): Vídeo "As Moças da Light"
Exibição de produção audiovisual que aborda a representatividade feminina no setor energético. Conteúdo entra no Facebook e Instagram do Museu da Energia. 
Quarta-feira (09/06), às 16h30: Artigo "A Relação entre Memória e os Arquivos Públicos Municipais"
Divulgação de artigo inédito, de autoria do arquivista formado pela UNESP Marília e responsável pela Seção de Arquivo da Prefeitura de Rancharia, Leandro Lopes. Objetivo da publicação é discutir a importância dos arquivos públicos municipais para estabelecimento da memória social local. Transmissão simultânea pelo YouTube e Facebook. 

Quinta-feira (10/06): Vídeo "Como pesquisar no acervo?"                    
Exibição de produção audiovisual que ensina o público a pesquisar o acervo da Fundação de Energia e Saneamento - que é composto por mais de 1.600 metros lineares de documentos técnicos e gerenciais, 260 mil documentos fotográficos, cerca de 3.500 objetos museológicos, 50 mil títulos na biblioteca, além de documentos cartográficos, audiovisuais e sonoros, reunidos a partir de meados do século XIX. Objetivo é demonstrar o quão importante são os arquivos para construção da memória e como fonte de informação. Transmissão pelo YouTube, Facebook e Instagram.                                                                                                                                                                                                                                    
Quinta-feira (11/06), às 16h30: Live "Conservação e Preservação de Fotografias na Era Digital"
Bate-papo ao vivo sobre organização e identificação arquivística, fotografia, acervos audiovisuais, conservação preventiva e preservação digital, com a professora Mestre do SENAC diretora da Imagem & Informação, Luciana Amaral, e a professora Doutora do curso de Arquivologia da UNESP de Marília, Telma Madio. Mediadora: Andressa Romualdo, coordenadora do acervo da Fundação Energia e Saneamento. Transmissão simultânea pelo YoTutube e Facebook.

Semana Nacional de Arquivos
Realizada anualmente pelo Conselho Internacional de Arquivos (ICA), a Semana Nacional de Arquivos é uma temporada de eventos que se insere no calendário internacional de celebração do dia Internacional dos Arquivos (9 de junho) e na Semana Internacional de Arquivos. 
O evento reúne ações culturais e acadêmicas em instituições arquivísticas de todo o Brasil. O tema escolhido para nortear as atividades desta quinta edição é 'Empoderando arquivos'. O objetivo é promover uma ampla discussão entre profissionais de arquivamento, gerenciamento de registros e organizações deste segmento. A exemplo da quarta edição, todas as atividades ocorrerão de forma remota em função da pandemia.

Canais do Museu de Energia:
https://www.facebook.com/museudaenergia/
https://www.instagram.com/museudaenergia/
https://twitter.com/museudaenergia

Sobre o Museu de Energia
O Museu de Energia possui três unidades (São Paulo, Itu e Salesópolis), todas mantidas pela Fundação Energia e Saneamento. Desde 1998, a entidade pesquisa, preserva e divulga o patrimônio histórico e cultural dos setores de energia e de saneamento ambiental. Por meio desses pólos, o Museu de Energia realiza ações culturais e educativas que reforçam conceitos de cidadania e incentivam o uso responsável de recursos naturais, trabalhando nos eixos de história, ciência, tecnologia e meio ambiente.

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »