19/11/2021 às 13h10min - Atualizada em 19/11/2021 às 13h10min

Kiu vence em João Pessoa e Campina Grande, Harrison Targino eleito e Raoni é o grande derrotado

Maria Cristina Santiago, que sequer teve um comitê e em seu primeiro teste como cabeça de chapa, venceu em João Pessoa e Campina Grande.

Click PB
KIu venceu em João Pessoa e Campina grande (Foto: Reprodução)
Os advogados paraibanos elegeram Harrison Targino presidente da OAB/PB e algumas peculiaridades na votação chamam a atenção dos que observam de perto o comportamento da ordem.

Primeiro, Maria Cristina Santiago, que sequer teve um comitê e em seu primeiro teste como cabeça de chapa, venceu em João Pessoa e Campina Grande, maiores colégios eleitorais, não chegando lá pelo desempenho de Harrison no Sertão, coincidência ou não, região da polêmica sobre o almoço de R$4mil reais pago com recursos da OAB de Patos.

Por outro lado, Raoni Vita, que tentou transformar em realidade o sonho de ser uma grande liderança, amargou a terceira colocação, saindo ainda menor do que entrou, apesar de unir velhos nomes da oposição, escritórios grandes e estrutura de marketing digna de uma candidatura a prefeito. É o grande derrotado.

Harrison Targino, do ponto de vista político, foi rejeitado por quase 60% do eleitorado e viu uma abstenção superior aos 30%. É o presidente institucional que a maioria dos votantes não queria. Paulo Maia venceu mais uma, mesmo derrotado nos dois maiores colégios eleitorais (João Pessoa e Campina Grande).

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »