17/12/2021 às 19h11min - Atualizada em 18/12/2021 às 00h00min

Dinheiro na mão: Sled leva ao varejo solução de saque com praticidade e rapidez ao consumidor

Solução pioneira disponibiliza saque de pequena quantia em caixas de supermercados, postos de gasolinas e farmácias

SALA DA NOTÍCIA Aline Silva
O PIX completou um ano de atuação no mercado e recentemente anunciou expansões de serviços para os brasileiros que, segundo o Banco Central, já realizaram mais de 1,2 bilhões de pagamentos por este sistema. A partir de agora, estão liberadas as opções de saque e troco e os serviços já são realizados em diversos estabelecimentos comerciais, porém com certas burocracias e demora na transação.

Mesmo com a chegada da novidade, no Brasil há uma empresa que foi pioneira nessa solução. A Sled- fintech que conecta o varejo físico com o sistema financeiro, atua no mercado com uma solução exclusiva que disponibiliza saque de pequena quantia em caixas de supermercados, postos de gasolinas e farmácias, além de oferecer todo suporte, desde a implementação, treinamento e auxílio aos varejistas.

“Desde o início da pandemia, 2.080 agências bancárias foram fechadas, prejudicando o acesso dos serviços financeiros de 43,4% da população. Como no serviço de troco digital, também fomos pioneiros ao lançar a solução de saque no varejo para o mercado. Esse é o nosso propósito, facilitar o trânsito do dinheiro, sem atritos tributários”, revela Anderson Locatelli, CEO da Sled.

Com o Sled Saque, o consumidor deve comparecer em qualquer ponto de venda que tenha a solução habilitada no sistema e apresentar o cartão de débito, com bandeira Mastercard, para realizar o serviço. Não há necessidade de cadastrar chaves ou realizar leituras de código QR no estabelecimento, pois toda a ação é feita pelo cartão, seja por inserção na máquina de cobrança ou aproximação, de forma simples e rápida.

“O serviço do PIX Saque, exige que o consumidor tenha acesso ao dinheiro por meio de leituras de QR Code do aplicativo do banco (do aparelho celular) ou por meio de uma chave cadastrada da instituição financeira e acesso à internet. Essa ação pode impactar no tempo de espera na fila do caixa e gerar fluxos de pessoas. Já com o Sled Saque, toda essa burocracia é cortada e o tempo de espera para operação caem pela metade”, ressalta o executivo.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »