03/11/2022 às 18h39min - Atualizada em 04/11/2022 às 00h00min

Faculdade IDOR abre vagas para professores para o Curso de Graduação em Enfermagem para início em 2023 

Os docentes interessados devem se inscrever no site até domingo, dia 6 de novembro

SALA DA NOTÍCIA Assessoria IDOR
https://www.rededorsaoluiz.com.br/instituto/idor/venha-fazer-parte-do-nosso-time-de-docentes/
Divulgação IDOR


O Instituto D'Or de Pesquisa e Ensino (IDOR) anuncia a abertura de processo seletivo para docentes para o Curso de Graduação em Enfermagem, da Faculdade IDOR de Ciências Médicas, instituição reconhecida pelo MEC em 2017, que possui também cursos de Pós-graduação lato e stricto sensu e de Curta e Média duração. São 2 vagas disponíveis para o Rio de Janeiro para a categoria Professor Especialista com dedicação parcial. As vagas destinam-se às disciplinas Psicologia Aplicada à Enfermagem e Atenção Básica I. 

As inscrições podem ser feitas até o dia 06 de novembro no site do IDOR e o processo de seleção é composto por inscrição e triagem curricular, prova de aula e entrevista, e entrevista pela diretoria. É desejável que o candidato tenha experiência mínima de dois anos na docência no ensino superior. As informações completas sobre o edital também estão disponíveis no site do IDOR. 

“Os professores da Faculdade IDOR de Ciências Médicas são profissionais, especialistas em suas áreas de atuação e com conhecimento em pesquisa, ensino e assistência, agregando ao aluno um olhar amplo sobre a saúde. As vagas para o curso de Graduação em Enfermagem são oportunidades únicas de expansão ou transição de carreira, principalmente para profissionais que atuam na assistência”, afirma Ellen Cristina Bergamasco, Gerente de Ensino e Coordenadora da Graduação em Enfermagem da Faculdade IDOR

 

Mais sobre a Graduação em Enfermagem 

Com o objetivo de proporcionar uma formação sólida, completa e diferenciada ao aluno, a Graduação em Enfermagem da Faculdade IDOR está entre as melhores do país, tendo sido autorizada pelo MEC com nota 4, em uma escala de 1 a 5, em quesitos como corpo docente e projeto pedagógico. 

O curso traz diferenciais competitivos para os profissionais no mercado de trabalho, como a formação em 4 anos -  1 ano a menos do que a média das outras instituições -, início dos estágios em Unidades de Atenção Primária do SUS e hospitais da Rede D’Or a partir do segundo ano e um aprendizado que vai além da teoria e prática assistencial: foca também em habilidades de gestão de saúde, do paciente à unidade hospitalar, e em atividades de pesquisa, trazendo aos alunos toda a expertise e reconhecimento das pesquisas do Instituto D’Or e dos hospitais da Rede D'Or. 

Outros destaques e diferenciais são: Estágio em unidades hospitalares de alta complexidade no último ano de curso, Programa de Monitoria oferecido a partir do primeiro ano, e que garante aos alunos os primeiros contatos com a rotina hospitalar em funções não assistenciais, e Programa de Estágio Extracurricular no quarto ano que dá ao estudante a possibilidade de ter uma experiência assistencial mais robusta e diversificada ao se formar.  Além disso, atendendo a última recomendação do MEC, o curso oferece, desde o primeiro ano, atividades de extensão multidisciplinares focadas na realização de programas de melhoria da saúde para a população, e que serão desenvolvidas com outros profissionais de saúde; além de pesquisas, com atuação em atividades realizadas pelo Instituto D’Or. 

As aulas realizadas no prédio da Faculdade IDOR em Botafogo, no Rio de Janeiro, contam com infraestrutura completa tendo a tecnologia como destaque - simuladores, recursos multimídia, laboratório de microscopia, laboratório de Enfermagem equipado com peças anatômicas e simuladores, e ambiente virtual de aprendizado aliado ao espaço físico. 

 

O Ensino no Instituto D’Or e a Faculdade IDOR de Ciências Médicas

Fundado em 2010, o Instituto D’Or de Pesquisa e Ensino (IDOR) é uma organização sem fins lucrativos, que tem por objetivo promover o avanço científico, qualificação, disseminação do saber e a inovação na área de saúde. 

No pilar de Ensino, a construção da Faculdade IDOR de Ciências Médicas foi uma decisão importante para o Instituto. Aprovada pelo Ministério da Educação (MEC) em 2017, e tendo o IDOR como mantenedor, a Faculdade IDOR nasceu com a missão de fornecer cursos superiores de qualidade e formar recursos humanos na área de saúde, inicialmente no município do Rio de Janeiro, e iniciou suas operações com o lançamento do Curso de Graduação de Tecnologia em Radiologia. 

Além da Faculdade, o Instituto oferece um programa de doutorado próprio, hoje com mais de 40 candidatos, coordena 60 programas de residências médicas, distribuídos em 7 estados e no DF, oferece estágio acadêmico para graduandos de medicina (+160 estudantes estagiando hoje em hospitais da Rede) e desenvolve diversos cursos de especialização e pós-graduação lato sensu

Durante os últimos dois anos, o IDOR teve mais de 1.000 profissionais de saúde matriculados em seus cursos de extensão e especialização e envolveu mais de 10.000 médicos especialistas em diferentes áreas em um extenso calendário de eventos científicos.

Números ensino no IDOR:

+1.000 profissionais matriculados nos cursos de extensão e especialização

+10.000 médicos participando de eventos científicos a cada ano

+ 4.000 alunos entre 2016 e 2021

60 programas de residência médica em 7 Estados + DF 

+280 Médicos Residentes em formação 

+ 40 Programas de Pós-graduação

1 programa de doutorado

 

Sobre o Instituto D’Or de Pesquisa e Ensino (IDOR)

Com mais de uma década de atividade, o Instituto D’Or de Pesquisa e Ensino (IDOR) é uma organização sem fins lucrativos que tem por objetivo promover o avanço científico, qualificação, disseminação do saber e a inovação na área de saúde. O IDOR vem desenvolvendo pesquisas de fronteira voltadas tanto para ciência aplicada - com impacto clínico direto a curto prazo - quanto para a ciência fundamental, que busca o conhecimento mais profundo sobre os mecanismos biológicos, fisiológicos e patológicos. 

A importância de aproximar a ciência básica da clínica foi evidenciada nas pesquisas envolvendo o vírus Zika, nas quais o IDOR ganhou destaque internacional com publicações na prestigiada revista Science, e no projeto Ciência IDOR Contra a Covid, iniciado em 2020 com a pandemia de Covid-19 e investimentos que superaram US$ 5 milhões. O programa “Ciência IDOR Contra a COVID” engajou boa parte dos pesquisadores do IDOR e centenas de profissionais de saúde da Rede D’Or São Luiz para atuar em dez linhas de pesquisa com potencial de contribuir para o enfrentamento da doença. Até o momento foram publicados mais de 140 artigos científicos sobre o tema em periódicos de reconhecimento internacional, além de outras iniciativas como um aplicativo para análise geoespacial da infecção pela doença (o Dados do Bem) e uma plataforma on-line gratuita com informações sobre autoconhecimento e saúde mental formuladas por especialistas do IDOR - o Portal IDOR de Saúde Mental

 

Informações para a imprensa

InPress - Assessoria Instituto D'Or de Pesquisa e Ensino

Camila Curvelo

camila.curvelo@inpresspni.com.br

Tel: (21) 3723-8127


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »