21/07/2023 às 16h48min - Atualizada em 22/07/2023 às 00h00min

Segurança Pública lança operação para combater crimes nas divisas do Estado

A ação nomeada Impacto SULMaSPP contará com as polícias de São Paulo, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e Mato Grosso do Sul

Governo do Estado de São Paulo
https://www.saopaulo.sp.gov.br/ultimas-noticias/seguranca-publica-lanca-operacao-para-combater-crimes-nas-divisas-do-estado/

Na manhã desta quinta-feira (20), A Secretaria da Segurança Pública lançou a Operação Impacto “SULMaSSP- Divisas Integradas II” para combater a atuação de organizações criminosas em divisas do Estado, em parceria com o Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e Mato Grosso do Sul. Além das forças de segurança de São Paulo, a ação contará com efetivo policial dos outros quatro estados. No primeiro dia da ação, serão colocados cerca de 15,7 mil policiais nas ruas, que contarão com mais de 6,5 mil viaturas

A iniciativa é fruto do 2º encontro de secretários da Segurança pública (SULMaSSP) dos cinco estados, ocorrido em junho, em São Paulo. A parceria entre as secretarias fortalece as ações conjuntas entre as polícias, o que permite a troca de dados e de conhecimentos relacionados à inteligência policial e a interesses operacionais, a cooperação tecnológica e a estruturação de operações conjuntas entre os estados.

“O nosso trabalho é para beneficiar cada vez mais a população, trazer mais segurança, e prejudicar sempre a atuação do crime”, relata o secretário Derrite. “Esses homens e mulheres que estão aqui arriscam a própria vida para defender a sociedade”, completa. Na cerimônia, ele também agradeceu o secretário da Segurança Pública do Paraná, coronel Hudson Teixeira, pela iniciativa de juntar todos os secretários.

A operação irá intensificar o policiamento ostensivo em todos os municípios de São Paulo que fazem divisa com os outros quatro estados, empregando de forma sistêmica recursos em ações planejadas e integradas. A ideia é sufocar o tráfico de drogas e de armas, além de inibir os roubos, os furtos, os casos de violência contra a mulher e outros delitos.

“Pela primeira vez na história da Polícia Militar e, de uma forma emblemática, aqui na Baixada Santista, nós temos tropas dos estados envolvidos para fazer esta operação. São mais de 15 mil policiais trabalhando de forma planejada, coordenada, com o objetivo de desmantelar o crime organizado. A ação é um sucesso, um esforço das nossas policias”, afirma o coronel Cássio Araujo de Freitas, comandante geral da Polícia Militar do Estado de São Paulo.

Polícia Civil

Também nesta quinta a Polícia Civil divulgou o balanço da operação que realizou após o encontro. De 14 de junho a 20 de julho, 1.262 policiais civis participaram da operação em 423 viaturas. Foram cumpridos 49 mandados de busca e apreensão e 1.822 pessoas foram presas em flagrante.

Os policiais apreenderam 474 armas, 797 veículos e 64 cargas roubadas. Além disso, 661 procurados da Justiça, que estavam foragidos, foram capturados.

Primeira fase da operação

A primeira fase da operação ocorreu em maio, logo após o primeiro encontro da SULMaSSP, realizado no final de março em Curitiba, no Paraná. Durante os trabalhos policiais nas dividas dos cinco estados, foram apreendidas 3,3 toneladas de maconha, 92,4 quilos de cocaína, 21,5 quilos de crack e 2,1 quilos de haxixe. Além disso, 127 pessoas foram presas e seis adolescente foram apreendidos. Também foram recuperados 184 veículos.

SULMaSSP

O encontro dos secretários da Segurança Pública é uma iniciativa que visa aproximar as forças policiais dos cinco estados para combater, de forma integrada e efetiva, o crime organizado nas áreas de divisa. No primeiro encontro, ocorrido no mês de março em Curitiba, no Paraná, foi elaborado um panorama geral sobre os principais crimes nas fronteiras e criadas as diretrizes de atuação conjunta.

Já no segundo, realizado em São Paulo, foram apresentadas três propostas de combate ao crime organizado. A primeira é a alteração da Lei 7560/86 (FUNAD), para que sejam repassados aos estados de 50 a 70% dos recursos apreendidos derivados do crime organizado; a segunda é uma manifestação de apoio ao PL 6579/13, que prevê o fim das saídas temporárias e pede uma audiência do grupo com o Senado Federal; o último se trata da Carta SULMaSSP de Defesa das Vítimas e da Sociedade, que propõe a criação de 12 grupos de trabalho.

O post Segurança Pública lança operação para combater crimes nas divisas do Estado apareceu primeiro em Governo do Estado de São Paulo.



Fonte: www.saopaulo.sp.gov.br

Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
GAZETA DA SEMANA
contato@gazetadasemana.com.br


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »